.

0 item(s)

IGP - SC - Perito Ambiental - Específico

Duplo clique na imagem para vê-la ampliada

Reduzir
Aumentar

Mais visualizações

IGP - SC - Perito Ambiental - Específico

Descrição rápida

Composição do curso : Videoaulas + Tutoria
Carga horária: 150 h/a
Início: Imediato.
Duração do acesso ao curso: até 03/12/2017.

Availability: Em estoque

Preço normal: R$1.200,00

Preço especial: R$990,00

Detalhes

INICIO DO SLIDE 1<------XXXXXXXXXXXXXXXXXX-->
Seja Perito Criminal!
FIM DO SLIDE 1<------XXXXXXXXXXXXXXXXX-->




1. Carga horária total: 150 h/a (segundo o padrão estabelecido pelo MEC)
2. Composição do curso: videoaulas + tutoria
3. Início: Imediato.
4. Duração do acesso ao curso: até 03/12/2017
5. Banca contratada: IESES.
6. Quantidade de vagas: 02
7. Adequação do conteúdo ao previsto no edital: As aulas são montadas pelo professor da disciplina e os conteúdos são por ele selecionados considerando a relevância da informação disposta no edital.
8. Contato com a coordenação: cursos.ifar@gmail.com
9. Exercícios: a quantidade de questões resolvidas em cada videoaula é definida pelo professor em função da conveniência e da necessidade imposta pelo conteúdo.
10. Material didático do curso: apostila em pdf com os slides da aula ministrada.
11.A disponibilização do conteúdo será feita de forma gradual.


O INSTITUTO GERAL DE PERÍCIAS – IGP, foi criado em 31/01/2005, pela Emenda Constitucional nº 039, do Estado de Santa Catarina, que lhe deu autonomia funcional e administrativa e o vinculou diretamente à Secretaria de Segurança Pública, sendo estruturado atualmente em quatro institutos, a saber: Instituto de Análises Forenses – IAF, Instituto de Criminalística – IC, Instituto de Identificação Civil e Criminal – II e o Instituto Médico Legal – IML, bem como, conta ainda com sua própria Academia de Perícia – ACAPE e com sua própria Corregedoria.

Os sete primeiros lugares Perito PCDF 2016.

IBAMA – Analista Ambiental 2012:
Tema 1: 1°, 2º, 6° e 7º colocados!
Tema 2: 1º e 7° colocados!
Tema 3: 2º, 3º, 6° e 10º colocados!
Entre dezenas de outros aprovados…

-1º colocado IBAMA 2008.

-O IFAR aprovou diversos alunos no concurso do Instituto Brasília Ambiental - IBRAM-DF/2009 (1º ,2º ,3º e 4º colocados nas diversas áreas) e nos concursos do MMA 2010.

* Remuneração: R$ 15.820,24

* Vagas: 02 vagas.

* Edital 2017 (Após a retificação)



CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Botânica: Morfologia e anatomia vegetal; Taxonomia vegetal; Solos: Química e fertilidade do solo; Física do solo; Gênese do solo; Morfologia do solo; Sistema brasileiro de classificação de solos; Principais domínios pedológicos brasileiros; Análise e remediação da contaminação do solo; Recuperação de áreas degradadas; Evolução e classificação das formas de relevo; Microflora, micro e mesofauna do solo; Inseticidas; Preservação, conservação e manejo de recursos naturais renováveis; Noções de ecologia; Poluição em agroecossistemas; Manejo de florestas plantadas; Dendrometria e inventário florestal; Métodos de estimação de volumes de madeira; Taxonomia e identificação anatômica de madeiras: espécies madeireiras com restrição de corte; Processos de amostragem; Rendimento de serraria; rendimento de carvoaria. Incêndios florestais: causas, efeitos e dinâmica; Hidrologia e Manejo de bacias hidrográficas; Influência das florestas no regime dos rios; Avaliação de impactos ambientais e valoração de danos ambientais; Morfologia, fisiologia, genética e taxonomia de microrganismos de importância agrícola; Transformações bioquímicas envolvendo microrganismos do solo; Associações simbióticas entre microrganismos do solo e plantas; Caracterização e ocupação dos biomas brasileiros; Zoneamento ambiental; Estudos ambientais: tipos e aplicações; Cartografia básica: Conceitos. Representação da Terra no plano. Sistemas de coordenadas. Projeções cartográficas. Projeção UTM. Cartografia temática. Leitura de cartas e mapas. Topografia: Conceitos. métodos de levantamento topográfico e aplicações na área rural, Medida de distâncias e ângulos. Orientação.Posicionamento planimétrico e altimétrico. Levantamentos planialtimétricos. Locação. Terraplenagem. Cálculo de áreas e volumes. Divisão de áreas. Instrumentos e métodos de medição. Fotogrametria: Conceitos. Noçõesde técnica fotogramétrica. Modelo estereoscópico: obtenção, uso, geometria. Fundamentos matemáticos da fotogrametria. Erros na fotogrametria. Aerotriangulação. Geodésia: Conceitos. Modelos terrestres geometria do elipsoide. Sistemas de referência. Datum. Transporte de coordenadas. Determinação do elipsoide. Sistema de coordenadas: SAD 69. WGS 84, SIRGAS. Métodos de medida e posicionamento em geodésia. Geodésia celeste. Posicionamento GNSS (GPS, GLONASS e Galileo). Conceitos sobre a teoria GPS: Características gerais. Estrutura do sinal GPS. Cálculo das coordenadas do receptor. DOP. Fontes de erros GPS. Degradação da precisão. Tipos de receptores: Principais características de um receptor. Aplicações de GPS. Cartografia automatizada. Elementos matemáticos de computação gráfica. Estrutura de computação gráfica. Métodos digitais. Cartografia digital: conceito. Tecnologia de produção cartográfica. Sistemas de informações geográficas-SIGs: Fundamentos em SIGs. Elementos de SIG. Sensoriamento remoto; Geoprocessamento. Aquisição de dados espaciais. Qualidade de dados e dos mapas digitais. Interpretação de fotografia aéreas, imagens de radar, imagens a nível orbital. Fauna brasileira. Anatomia, fisiologia e patologia dos animais domésticos e dos animais silvestres; Defesa animal; Noções de classificação taxonômica da fauna silvestre brasileira. Manejo de animais da fauna silvestre brasileira; Legislação específica e normas técnicas: Lei Federal no 12.651/2012 e suas alterações, Lei Federal no 6.938/1981, Lei Federal no 7.802/1989, Lei Federal no 9.605/1998, Lei Federal no 9.985/2000, Lei Federal no 12.305/2010, Lei Federal nº 11.428/2006. Resoluções CONAMA no 1/1986 (alterada pelas Resoluções no 11/1986, no 5/1987 e no 237/1997), no 357/2005 (alterada pelas Resoluções no 370/2006, no 397/2008, no 410/2009 e no 430/2011), nº 417/2009, nº 004/1994 e nº 261/1999. Normas da ABNT: NBR nº 10.151:2000 (versão corrigida:2003), NBR no 14.653‐1:2001 (versão corrigida 2:2005) e NBR 14.6533:2004. Noções de Criminalística: Definição; Histórico; Doutrina; Da requisição de perícia; Prazo para elaboração do exame e do laudo pericial; Principais perícias elencadas no Código de Processo Penal; Locais de crime: conceituação, classificação, isolamento e preservação de local de crime. Cadeia de Custódia: Conceitos, Etapas, Fase Interna, Fase Externa e Rastreabilidade. Finalidades dos levantamentos dos locais de crime contra a pessoa e contra o patrimônio; Vestígios de interesse Forense; Levantamento papiloscópico. Locais de Morte: Morte violenta; Local de morte por arma de fogo; Local de morte por instrumentos contundentes, cortantes, perfurantes ou mistos; Local de morte provocada por asfixia.

* Os conteúdos de Geofísica forense; Geofísica de águas subterrâneas; Mineralogia; Gemologia; Riscos geológicos e impactos ambientais; não serão ministrados








Os vídeos possuem duração aproximada de 30 minutos. Cada aula pode ser visualizada por duas vezes. A aula é considerada como visualizada a partir do encerramento do vídeo ou da finalização da sessão na qual o aluno está conectado ao ambiente do curso. Não é possível o acesso de dois IPs simultaneamente (utilizando o mesmo usuário)




Tags do produto

Use espaços para separar tags. Use aspas simples (') para frases.


SiteLock