.

0 item(s)

SES/DF - Residência em Enfermagem - Específico

Duplo clique na imagem para vê-la ampliada

Reduzir
Aumentar

Mais visualizações

SES/DF - Residência em Enfermagem - Específico

Descrição rápida

Carga Horária Total: 120 h/a
Composição do curso : Videoaulas + Tutoria
Início: Imediato
Duração: 3 meses

Availability: Em estoque

Preço normal: R$700,00

Preço especial: R$199,00

Detalhes


1. Carga horária total: 120 h/a (segundo o padrão estabelecido pelo MEC)
2. Composição do curso: videoaulas + simulados + tutoria
3. Início: Imediato.
4. Duração do acesso ao curso: 3 meses
5. Adequação do conteúdo ao previsto no edital: As aulas são montadas pelo professor da disciplina e os conteúdos são por ele selecionados considerando a relevância da informação disposta no edital.
6. Contato com a coordenação: cursos.ifar@gmail.com
8. Exercícios: a quantidade de questões resolvidas em cada videoaula é definida pelo professor em função da conveniência e da necessidade imposta pelo conteúdo.
9. Material didático do curso: apostila em pdf com os slides da aula ministrada.


A Residência em Enfermagem é caracterizada como modalidade de ensino de pós-graduação “latu sensu” sob forma de curso de especialização, com orientação de profissionais enfermeiros devidamente qualificados para garantir o treinamento em serviço. A residência em enfermagem constitui espaço de formação teórico – prática, destinado os enfermeiros graduados.

* Edital 2017:



SUS - 1. Evolução histórica da organização do sistema de saúde no Brasil e a construção do Sistema Único de Saúde (SUS) – princípios, diretrizes e arcabouço legal. 2. Controle Social no SUS. 3. Determinantes Sociais da Saúde. 4. Conceito de Saúde. 5. Saúde na Constituição Federal artigos de 194 a 200.6. NOBs e NOAs (apenas a importância histórica, visto não estarem mais em vigor) 7. Lei Orgânica da Saúde – Lei n.° 8.080/1990 e 8.142/1990. Gestão participativa do MS. 8. Financiamento da Saúde (emenda constitucional 29 e Lei complementar 141/2012). 9. O Pacto pela Saúde. 10. O SUS/DF – estrutura, organização e funcionamento. 11. A Estratégia de Saúde da Família – sua evolução, seus princípios e sua apli­cação. 12. Sistemas de Informação em Saúde. SUS - 1. Evolução histórica da organização do sistema de saúde no Brasil e a construção do Sistema Único de Saúde (SUS) – princípios, diretrizes e arcabouço legal. 2. Controle Social no SUS. 3. Determinantes Sociais da Saúde. 4. Conceito de Saúde. 5. Saúde na Constituição Federal artigos de 194 a 200.6. NOBs e NOAs (apenas a importância histórica, visto não estarem mais em vigor) 7. Lei Orgânica da Saúde – Lei n.° 8.080/1990 e 8.142/1990. Gestão participativa do MS. 8. Financiamento da Saúde (emenda constitucional 29 e Lei complementar 141/2012). 9. O Pacto pela Saúde. 10. O SUS/DF – estrutura, organização e funcionamento. 11. A Estratégia de Saúde da Família – sua evolução, seus princípios e sua apli­cação. 12. Sistemas de Informação em Saúde.

Fundamentos do Exercício da Enfer­magem. Lei do Exercício Profissional (Lei n.° 7.498/1986 – Regulamentada pelo Decreto 94.406/1987). Código de Ética e Deontologia de Enfermagem – análise crítica. Bioética.

Administração dos Serviços de Enfermagem. Normas, Rotinas e Manuais – elaboração e utilização na enfermagem. Teorias Administrativas e Teorias de Enfermagem. Enfermeiro como líder e agente de mudança. Auditoria em Enfermagem. Administração dos serviços de Enfermagem. Ad­ministração de materiais e enfermagem. Organização dos serviços de enfermagem. Estrutura e funcionamento dos serviços de enfermagem. Planejamento na administração e na assistência de enfermagem em nível ambulatorial, centro cirúrgico, centro de material e esterilização, na prevenção e controle de infecção hospitalar. Enfermagem e recursos humanos – recrutamento e seleção. Enfermagem na equipe de saúde – dimensionamento dos recursos humanos. Enfermagem, tomada de decisão na administração da assistência e do serviço. Enfermagem na auditoria dos serviços e da assistência. Normas do Ministério da Saúde para atuação. Participação do Enfermeiro na CIPA. Conhecimento de Enfermagem em Gerenciamento dos Resíduos de Serviços de Saúde.

Programa da Mulher. Gineco e Obstetrícia. Assistência em situação de risco: violência e negligência contra mulher. Vacinas relacionadas à mulher.

Neonatologia. Programa da Criança. Assistência integral em situação de risco: violência e negligência contra criança e adolescente. Programa Nacional de Imunizações.

Programa de Hipertensão. Programa de Diabético. Assistência de enfermagem nas doenças crônicas não transmissíveis.Assistência integral às pessoas em situação de risco: violência e negligência contra o idoso. Assistência de enfermagem nas doenças infecto-contagiosas.

Enfermagem em situações clínico-cirúrgicas.

Enfermagem em situações de urgência e emergência. Política Nacional de Atenção às Urgências. Atendimento pré-hospitalar. Portaria GM/MS n.° 2.048 de 5/11/2002. Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência. Assistência de enfermagem ao paciente crítico.

Assistência de enfermagem em saúde mental. Álcool, tabagismo, outras drogas e redução de danos.

Epidemiologia e Enfermagem. Vigilância epidemioló­gica. Processo Social de Mudança das Práticas Sanitárias no SUS e na Enfermagem. Vigilância em saúde – conceitos, funções, indicadores. Vigilância sanitária. Vigilância ambiental.

Programa do Homem. Programa do Idoso. Programa DST e AIDS. Programa de Hanseníase. Programa de Pneumologia Sanitária. Planejamento e Gestão em Saúde – formulação e implementação de Políticas Públicas. Política Nacional de Humanização da Gestão e da Atenção à Saúde. Programa Nacional de Segurança do Paciente.

Estatística em Enfermagem.

Assistência de enfermagem em cuidados paliativos. Modalidades assistenciais. Hospital-dia. Assistência domiciliar. Trabalho de grupo.

Processo de Enfermagem – teoria e prática. Consulta de enfermagem. Sistematização da Assistência de Enfermagem. Teorias de Enfermagem. Contextualização da Enfermagem – evolução histórica da enfermagem. Concepções teórico-práticas da Assistência de Enfermagem. Planejamento da educação em saúde com vistas ao autocuidado – promoção, pre­venção, reabilitação. Assistência integral por meio do trabalho em equipes – enfermagem, multiprofissional e interdisciplinar. Processo Social de Mudança das Práticas Sanitárias no SUS e na Enfermagem.

Fundamentos do Exercício da Enfer­magem. Lei do Exercício Profissional (Lei n.° 7.498/1986 – Regulamentada pelo Decreto 94.406/1987). Código de Ética e Deontologia de Enfermagem – análise crítica. Bioética.

Administração dos Serviços de Enfermagem. Normas, Rotinas e Manuais – elaboração e utilização na enfermagem. Teorias Administrativas e Teorias de Enfermagem. Enfermeiro como líder e agente de mudança. Auditoria em Enfermagem. Administração dos serviços de Enfermagem. Ad­ministração de materiais e enfermagem. Organização dos serviços de enfermagem. Estrutura e funcionamento dos serviços de enfermagem. Planejamento na administração e na assistência de enfermagem em nível ambulatorial, centro cirúrgico, centro de material e esterilização, na prevenção e controle de infecção hospitalar. Enfermagem e recursos humanos – recrutamento e seleção. Enfermagem na equipe de saúde – dimensionamento dos recursos humanos. Enfermagem, tomada de decisão na administração da assistência e do serviço. Enfermagem na auditoria dos serviços e da assistência. Normas do Ministério da Saúde para atuação. Participação do Enfermeiro na CIPA. Conhecimento de Enfermagem em Gerenciamento dos Resíduos de Serviços de Saúde.

Programa da Mulher. Gineco e Obstetrícia. Assistência em situação de risco: violência e negligência contra mulher. Vacinas relacionadas à mulher.

Neonatologia. Programa da Criança. Assistência integral em situação de risco: violência e negligência contra criança e adolescente. Programa Nacional de Imunizações.

Programa de Hipertensão. Programa de Diabético. Assistência de enfermagem nas doenças crônicas não transmissíveis.Assistência integral às pessoas em situação de risco: violência e negligência contra o idoso. Assistência de enfermagem nas doenças infecto-contagiosas.

Enfermagem em situações clínico-cirúrgicas.

Enfermagem em situações de urgência e emergência. Política Nacional de Atenção às Urgências. Atendimento pré-hospitalar. Portaria GM/MS n.° 2.048 de 5/11/2002. Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência. Assistência de enfermagem ao paciente crítico.

Assistência de enfermagem em saúde mental. Álcool, tabagismo, outras drogas e redução de danos.

Epidemiologia e Enfermagem. Vigilância epidemioló­gica. Processo Social de Mudança das Práticas Sanitárias no SUS e na Enfermagem. Vigilância em saúde – conceitos, funções, indicadores. Vigilância sanitária. Vigilância ambiental.

Programa do Homem. Programa do Idoso. Programa DST e AIDS. Programa de Hanseníase. Programa de Pneumologia Sanitária. Planejamento e Gestão em Saúde – formulação e implementação de Políticas Públicas. Política Nacional de Humanização da Gestão e da Atenção à Saúde. Programa Nacional de Segurança do Paciente.

Estatística em Enfermagem.

Assistência de enfermagem em cuidados paliativos. Modalidades assistenciais. Hospital-dia. Assistência domiciliar. Trabalho de grupo.

Processo de Enfermagem – teoria e prática. Consulta de enfermagem. Sistematização da Assistência de Enfermagem.

Teorias de Enfermagem. Contextualização da Enfermagem – evolução histórica da enfermagem. Concepções teórico-práticas da Assistência de Enfermagem. Planejamento da educação em saúde com vistas ao autocuidado – promoção, pre­venção, reabilitação. Assistência integral por meio do trabalho em equipes – enfermagem, multiprofissional e interdisciplinar. Processo Social de Mudança das Práticas Sanitárias no SUS e na Enfermagem.

**Simulado de 100 questões com correção eletrônica pelo sistema







Os vídeos possuem duração aproximada de 30 minutos. Cada aula pode ser visualizada por duas vezes. A aula é considerada como visualizada a partir do encerramento do vídeo ou da finalização da sessão na qual o aluno está conectado ao ambiente do curso. Não é possível o acesso de dois IPs simultaneamente (utilizando o mesmo usuário)





Tags do produto

Use espaços para separar tags. Use aspas simples (') para frases.


SiteLock